Em tempos de carnaval, conheça o Hospital Plunct Plact Zum

Em tempos de carnaval, conheça o Hospital Plunct Plact Zum

A novela do Hospital de Guarapari parece não ter fim. Seus capítulos são longos, enigmáticos e com muito drama. Para trazer a realidade do hospital para o momento carnavalesco de 2022, conheça o hospital que pode ser conhecido como o Hospital Plunct Plact e Zum.

A saga do Hospital de Guarapari ultrapassa uma década e muitos marços. O prefeito gosta sempre de prometer a inauguração para março, mas já estamos em 2022 e o hospital não está em funcionamento, muito menos pronto.

Visitas de políticos para amenizar e renovar as promessas

Com frequência, o prefeito de Guarapari, Edson Magalhães, precisa do respaldo de políticos aliados para mostrar para a população que as obras estão em andamento. Por não ter mais a credibilidade perante a população para tratar do hospital, utiliza do apoio de seus aliados para afirmarem que as obras estão em ritmo “acelerado”.

A culpa é sempre do outro

Nas eleições de 2020, Edson teve a sorte de ter como vice do seu principal adversário (Carlos Von), o médico e ex-vereador Dr. Rogério Zanon. O médico era oposição ao prefeito e por possuir um hospital particular e ter a experiência da gestão hospitalar, afirmava que haviam erros na história e que o hospital não ficaria pronto como prometeu o prefeito.

Edson para tirar o foco do desastre de suas promessas não cumpridas, apresentou para a sociedade um novo culpado. O prefeito afirmava que o hospital não ficou pronto pois adversários como Zanon não queriam o hospital, mas mal sabe a população que o público de um hospital particular não é o mesmo de um hospital público. Muitos caíram nesse papo, mesmo tendo o médico criado uma associação sem fins lucrativos que atendia gratuitamente mais de cinquenta pessoas por dia.

Ministério Público

Em 2020, o Ministério Público Federal e o Ministério Público Estadual identificaram falhas na execução do contrato firmado para a construção do Hospital e ajuizaram ação para suspender as obras.

No momento que o pedido foi exposto para a sociedade, o prefeito mais uma vez levou aliados políticos para filmagens. Cada um deixou a sua contribuição verbal e disseram mais uma vez que a culpa do que estava ocorrendo era de alguém que não queria o hospital pronto.

Apoio do Estado

Edson teve em seus mandatos, o ex-governador Paulo Hartung à frente do governo estadual. Nem “puxando o saco” de Hartung, conseguiu uma declaração ou compromisso do ex-governador com a obra do hospital. Autoridades estaduais disseram que essa obra não foi discutida com o governo e que diante dos investimentos hospitalares nos arredores de Guarapari, como por exemplo o hospital de Viana e Cariacica, seria inviável para o Estado fazer mais um investimento. 

Edson seguiu como sempre fez, fazendo tudo do seu jeito e de qualquer jeito.

Março de 2021

No período eleitoral de 2020, o prefeito prometeu entregar o hospital em março de 2021. O povo mais uma vez caiu no papo e depois de não conseguir manter a culpa no ex-vereador, transferiu a demora para as dificuldades geradas pela pandemia.

Março de 2022

Iniciamos o mês de março de 2022. O prefeito já levou aliados na obra para filmar e mostrar para a população; já pediu que todos falassem que a obra está “de vento e popa” e mais uma vez utiliza da mesma estratégia para empurrar com a barriga a sua novela dramática.

Tempos de Carnaval, Plunct Plact Zum e os considerandos

Diante do momento carnavalesco, que mesmo tímido devido as consequências da pandemia está ocorrendo em todo o Brasil, vamos “enredosar” a novela do hospital com o Plunct Plact e Zum.

Plunct Plact e Zum

Plunct Plact Zum era um programa especial infantil onde crianças que foram proibidas de fazer as coisas que amavam, planejaram se mandar em um Ovni construído com lixo e tesouro.

Edson em vários momentos se assemelha a uma criança teimosa que não escuta ninguém e insiste em fazer o que quer. Diante dos vários dilemas que o prefeito se envolveu, principalmente nos problemas gerados pelos que geriram a Codeg e a Secretaria de Obras nos últimos anos, o prefeito hoje deve sonhar em entrar num Ovni e também se mandar.

Os considerandos

Considerando todo esse imbróglio que assola a construção do Hospital Maternidade Cidade Saúde e com todas as ações sinalizadas pelo governo estadual de que não haverá condições para o custeio do funcionamento do hospital;

Considerando que a cidade não consegue sequer prover clínicos para atender as demandas da sociedade;

Considerando que o prefeito não consegue garantir um simples funcionamento dos banheiros inaugurados na orla da Praia do Morro durante o ano;

Considerando a desapropriação do Restaurante Stay, em que o prefeito investiu milhões para inaugurar um Centro de Atendimento ao Turista e uma Secretaria de Meio Ambiente, mas após a inauguração entregou para a iniciativa privada montar um restaurante;

Considerando que se o hospital não for entregue para a iniciativa privada ganhar dinheiro nas costas do povo de Guarapari, fornecendo serviços de qualidade aos pagantes e o que sobrar para os munícipes usuários do SUS, acredite, o Hospital Maternidade Cidade Saúde será o Hospital Plunct, Plact e Zum, não irá a lugar algum.

O sonho da população

A população sonha em ter um hospital. Não querem mais saber do “Bueinos Aires Mall” para alavancar o turismo nas terras Magalhães; não querem saber quando o “teleférico” será inaugurado; não estão nem preocupados se será entregue a “Nova Gramado” ou o “Principado de Mônaco”, a população de Guarapari quer ver o hospital funcionando adequadamente.

Não adianta mais transferir a culpa para esconder o verdadeiro motivo dos atrasos, não adianta dizer que tem gente que não quer o hospital. O prefeito teve tempo para entregar e a responsabilidade agora é toda dele.

Que o hospital seja realidade e que não vire tema de enredo do carnaval 2023.

 

Anderson Arpini
Gestor Público, tradutor, servidor público e comentarista político. Apaixonado por debates políticos e discussões acerca das políticas públicas, busca nos textos de opinião, estender o olhar crítico do cidadão quanto a realidade de sua comunidade.

Política ES

Política ES | Portal de notícias sobre o estado do Espírito Santo, política, economia, esportes, mundo opinião e muito mais! www.politicaes.com.br | +55 27 99623-3716

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *